4 de jul de 2007

Eterna Vida Curta

Antigamente era tudo igual, ninguém pensava em ser normal
Viver a vida tão intensamente e fazer tudo diferente
Sonhar com histórias, se divertir
As mil e uma noites se passavam ali
Não ter mais nada pra se preocupar
Além de esperar a contagem terminar
Esconde-esconde, estava tudo ali, como foi que não percebi?
O pai era o filho e o filho virou pai, e assim a história vai
Esconde-esconde, estava tudo ali, como foi que não percebi?
O pai era o filho e o filho virou pai, e assim a história vai
Tudo é tão rápido mas parece eterno
Antes você brincava, hoje você é o brinquedo
Com tantas coisas pra se preocupar
A vida é muito curta para não se aproveitar
Esconde-esconde, estava tudo ali, como foi que não percebi?
O pai era o filho e o filho virou pai, e assim a história vai
Esconde-esconde, estava tudo ali, como foi que não percebi?
O pai era o filho e o filho virou pai, e assim a história vai

Nenhum comentário: