18 de set de 2007

Deus explicando ¨O Pai Nosso¨

VOCÊ: Pai nosso que estais no céu...
DEUS: Sim? Estou aqui...
VOCÊ: Por favor, não me interrompa, estou rezando!
DEUS: Mas você me chamou!
VOCÊ: Chamei? Eu não chamei ninguém. Estou rezando.... Pai nosso que estais no céu...
DEUS: Ai, você fez de novo.
VOCÊ: Fiz o que?
DEUS: Me chamou! Você disse: Pai nosso que estais no céu. Estou aqui. Como é que posso ajudá-lo?
VOCÊ: Mas eu não quis dizer isso. É que estou rezando. Rezo o Pai Nosso todos os dias, me sinto bem rezando assim. É como se fosse um dever. E não me sinto bem até cumprí-lo...
DEUS: Mas como podes dizer Pai Nosso, sem lembrar que todos são seus irmãos, como podes dizer que estais no céu, se você não sabe que o céu é a paz, que o céu é amor a todos?
VOCÊ: É, realmente ainda não havia pensado nisso.
DEUS: Mas prossiga sua oração.
VOCÊ: Santificado seja o Vosso nome...
DEUS: Espera ai! O que você quer dizer com isso?
VOCÊ: Quero dizer... quer dizer, é... sei lá o que significa. Como é que vou saber? Faz parte da oração, só isso!
DEUS: Santificado significa digno de respeito, Santo, Sagrado.
VOCÊ: Agora entendi. Mas nunca havia pensado no sentido dessa palavra SANTIFICADO. "Venha a nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu..."
DEUS: Esta falando sério?
VOCÊ: Claro! Por que não?
DEUS: E o que você faz para que isso aconteça?
VOCÊ: O que faço? Nada! É que faz parte da oração, além disso seria bom que o Senhor tivesse um controle de tudo o que acontecesse no céu e na terra também.
DEUS: Tenho controle sobre você?
VOCÊ: Bem, eu freqüento a igreja!
DEUS: Não foi isso que Eu perguntei! Que tal o jeito que você trata os seus irmãos, a maneira com que você gasta o seu dinheiro, o muito tempo que você dá a televisão, as propagandas que você corre atrás e o pouco tempo que você dedica a Mim?
VOCÊ: Por favor. Pare de criticar!
DEUS: Desculpe. Pensei que você estava pedindo para que fosse feita a minha vontade. Se isso for acontecer tem que ser com aqueles que rezam, mas que aceitam a minha vontade, o frio, o sol, a chuva, a natureza, a comunidade.
VOCÊ: Esta certo, tens razão. Acho que nunca aceito a sua vontade, pois reclamo de tudo: se manda chuva, peço sol, se manda o sol reclamo do calor, se manda frio, continuo reclamando, se estou doente, peço saúde, mas não cuido dela, deixo de me alimentar ou como muito...
DEUS: Ótimo reconhecer tudo isso. Vamos trabalhar juntos Eu e Você, mas olha, vamos ter vitórias e derrotas. Eu estou gostando dessa nova atitude sua.
VOCÊ: Olha Senhor, preciso terminar agora. Esta oração está demorando muito mais do que costuma ser. Vou continuar: ... "o pão nosso de cada dia nos dai hoje..."
DEUS: Pare ai! Você esta me pedindo pão material? Não só de pão vive o homem, mas também da minha palavra. Quando me pedires o pão, lembre-se daqueles que nem conhecem pão. Pode pedir-me o que quiser, desde que me veja como um Pai amoroso! Eu estou interessado na próxima parte de sua oração. Continue!
VOCÊ: "Perdoai as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido..."
DEUS: E o seu irmão desprezado?
VOCÊ: Está vendo? Olhe Senhor, ele já criticou várias vezes e não era verdade o que dizia. Agora não consigo perdoar. Preciso me vingar.
DEUS: Mas, e a sua oração? O que quer dizer sua oração? Você me chamou, e eu estou aqui, quero que saias daqui transfigurado, estou gostando de você ser honesto. Mas não é bom carregar o peso da ira dentro de você, não acha?
VOCÊ: Acho que iria me sentir melhor se me vingasse!
DEUS: Não vai não! Vai se sentir pior. A vingança não é tão doce quanto parece. Pense na tristeza que me causaria, pense na sua tristeza agora. Eu posso mudar tudo para você. Basta você querer.
VOCÊ: Pode? Mas como?
DEUS: Perdoe seu irmão, Eu perdoarei você e te aliviarei.
VOCÊ: Mas Senhor, eu não posso perdoá-lo.
DEUS: Então não me peças perdão também!
VOCÊ: Mais uma vez está certo! Mais só quero vingar-me, quero a paz com o Senhor. Esta bem, esta bem, eu perdôo a todos, mas ajude-me Senhor. Mostre-me o caminho certo para mim e meus inimigos.
DEUS: Isto que você pede é maravilhoso, estou muito feliz com você. E você, como está se sentindo?
VOCÊ: Bem, muito bem mesmo! Para falar a verdade, nunca havia me sentido assim! É tão bom falar com Deus.
DEUS: Ainda não terminamos a oração. Prossiga...
VOCÊ: "E não deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal..."
DEUS: Ótimo, vou fazer justamente isso, mas não se ponha em situações onde possa ser tentado.
VOCÊ: O que quer dizer com isso?
DEUS: Deixe de andar na companhia de pessoas que o levam a participar de coisas sujas, intrigas, fofocas. Abandone a maldade, o ódio. Isso tudo vai levá-lo para o caminho errado. Não use tudo isso como saída de emergência!
VOCÊ: Não estou entendendo!
DEUS: Claro que entende! Você já fez isso comigo várias vezes. Entra no erro, depois corre a me pedir socorro.
VOCÊ: Estou com muita vergonha, Perdoe-me Senhor!
DEUS: Claro que perdôo! Sempre perdôo a quem esta disposto a perdoar também, mas não esqueça, quando me chamar, lembre-se de nossa conversa, medite cada palavra que fala! Termine sua oração.
VOCÊ: Terminar? Ah, sim, "AMÉM!"
DEUS: O que quer dizer AMÉM?
VOCÊ: Não sei. É o final da oração.
DEUS: Você só deve dizer AMÉM quando aceita dizer tudo o que eu quero, quando concorda com minha vontade, quando segue os meus mandamentos, porque AMÉM! quer dizer, ASSIM SEJA, concordo com tudo que rezei.
VOCÊ: Senhor, obrigado por ensinar-me esta oração e agora obrigado por fazer-me entendê-la.
DEUS: Eu amo cada um dos meus filhos, amo mais ainda aqueles que querem sair do erro, aqueles que querem ser livres do pecado. Abençôo-te e fica com minha paz!
VOCÊ: Obrigado Senhor! Estou muito feliz em saber que és meu amigo.

14 de set de 2007

Disfarce

Que bom que está chovendo
Hoje posso sair sem guarda-chuva
Assim posso disfarçar minhas lágrimas...
Percebo que só consigo visualizar você em minha mente
Antes de sair, preciso de uma foto sua
Para eu me lembrar de como eu era
Quando olho para a foto percebo que já não sou o mesmo
Incrédulo, olhei para o espelho
E não me reconheci
Só sou eu com você aqui!!!

Teus Olhos

Teus olhos que lindos são,
que quebram a solidão, olhos apaixonados,
brilhantes, encorajados...
Teus olhos são cor de mel,
são tão lindos quanto o céu,
são olhos de sinceridade,
onde só vejo felicidade...
Olhos de pura magia,
onde se esconde a poesia...

Navegando na Internet

Era capitã do seu próprio barco
De 7 mares nunca dantes navegados
Quase nunca mareada
Quando teclou com aquele cara
Não sabe o que lhe deu!
Foi logo perguntando:
- No seu e-mail ou no meu???

Matemática

Um é pouco, dois é melhor ainda!!!
Na aritmética do amor
Fazemos a única equação em que:
Somando se multiplica
Se Dividindo se adiciona
E às vezes, se soma... mas nunca diminui.
Noves fora, pode-se dizer que nesta questão a razão nunca funciona.
E o melhor resultado...
É aquele que de 2 + 2 faz dar só um!!!

Há Um Lugar

Há um lugar no fundo de mim
Onde me encontro comigo
Faz-me lembrar o meu poder sem fim
Naquilo que sinto e digo
É o meu refúgio de sonho
A minha fantasia
É a força em que ponho
A esperança de um novo dia
É a vida que sou e serei
É o meu condão
Onde encontrei
A metade escondida do meu coração
Há um lugar bem perto do céu
Onde o luar é branco
Onde as estrelas salpicam o breu
Num esborratar franco
Há um lugar que não tem lugar
Neste lugar do mundo
Encantos mil como um breve ondular
Do oceano profundo
Há um lugar sem nome e sem fronteira
Onde me perco ileso
A tua imagem surge firme e certeira
E aos teus braços fico preso

Ter Sido Amor

Da espuma faço
O meu sonhar
Com as ondas traço
O meu viver
Vou navegando
Por sobre o mar
E desbravando
Um novo ser
Do vento forte
Faço um grito
Do vento Norte
Um remoinho
A brisa acalma
Meu ser aflito
E põe a alma
No bom caminho
Sigo no trilho
Dos navegantes
Vivo do brilho
De lobos errantes
Vou pela estrada
Entre as frescas vagas
E acordada
Meu espírito alagas
Ouço a gaivota
Gritar bravia
Da sua ilhota
Em algum lugar perdida
Ouço a canção
Que ouvira um dia
Dando-te a mão
Dando-te a vida
Recordo enfim
Essa viagem
Pelo mar sem fim
Ao seu sabor
Que fiz sem rumo
E sem paragem
E que presumo
Ter sido amor

Dois Anjos Conversando

Dois anjos conversando:
- Como será o tempo amanhã?
- Acabo de ouvir na rádio celestial que vai ficar o dia todo nublado.
- Que bom! Assim a gente vai ter lugar pra sentar!

60 Segundos Finais

Faltam 60 segundos para dar o último suspiro...
É só nesse momento que poderemos realmente avaliar se tivemos um grande amor em nossas vidas, e se aquela pessoa foi ¨a pessoa¨ de nossas vidas...
Enquanto esse momento não chegar, não adianta... Pensar que o atual é o maior, é ilusão... O próximo amor pode ser muuuuuuiitttttooooooo maior... ou o anterior, aquele que só durou 5 minutos ou 3 anos, aquele que só rolou um encontro, durou uma festa, atendeu a um telefonema, ou um bate papo virtual... aquele que olhou por fração de segundos pela janela de um ônibus e nunca mais viu, ou o de infância... esses podem ser maiores que os 40 anos ao lado...
Se só teremos essa certeza ao fechar pela última vez os olhos, então... Vamos Viver!!! Chegando lá a gente descobre...

Aos Verdadeiros Sem Terra

A terra que há não é suficiente para a caminhada
Passadas que procuram solo firme,
encontram - ora lama, ora deserto.
Pés descalços vivem sem a medida.
Chinelos em meia.
Sapatos altos - hectares.
Não basta.
A gleba ainda é pouca para tantos pés.
A avidez aumenta a distância da chegada.
Cada qual num percurso.
Todos ansiando um terreno maior. Aumenta-se a exaustão da jornada.
Os andantes querem substituir os calçados. Acreditam ser preciso trocá-los para continuar.
Seus pés não cabem em suas terras. Suas terras são pequenas para seus pés. Na lida diária caminham. O solo aumenta e a insatisfação também.
Alguns estropiados desejam retornar. Mas, seus companheiros tentam dissuadi-los. O recuo os levará à margem.
Quanto mais chão, acreditam, maior felicidade. E, assim, em frente seguem.
O regresso - cada vez mais distante. A dita - parece não vir. Sepultam suas almas!
Há pouca terra para tantos pés... Há muita terra para poucas almas...

Último Pedido de Um Internauta


Quando por fim o Windows disser que posso ser desligado com segurança, farei o upload deste meu html cansado e deitarei na minha última URL.
Aos amigos peço apenas: não esqueçam de abrir a sala de chat no velório, e na lápide digitar: “eis aqui a sua última versão”.
Ah, e repassem meus emails para: hdcomvirus@saojoaobatista.org.br